sexta-feira, setembro 29, 2006

as vezes é melhor não olhar pra dor.

naum há nada errado em ser eu!
(você sabe quem.)

essa frase diz muito de ontem a tarde
as vezes é melhor não olhar pra dor
as vezes as pessoas não querem falar com você
falam mas é pura convenção
e eu também respondo por pura convenção.
e fica aquela coisa convencional
uma coisa pra fazer média.
aí vem a dor
mas você tá sozinha
aí você
logo pensa em pensar em alguma coisa
pra não sentir a dor
pensa nas poesias!
pensa nas poesias!
aí eu penso não a nada errado em ser eu e pronto!

quarta-feira, setembro 27, 2006

etnia

não a nada errado em ser preto.
não a nada errado em ser branco.
não a nada errado em ser amarelo.
não a nada errado em ser vermelho.
não a nada errado em ser roseo.
não a nada errado em ser roxo.
não a nada errado em ser marrom.
não a nada de errado em dizer sou tal cor.
a alguma coisa de errada em negar minha cor.
afinal a espécie é a mesma.
não a nada de errado em ser humano.
ser pessoa.
por isso não a nada de errado em nossa etnia.

escutem só essa música ela diz tudo
http://musica.busca.uol.com.br/radio/index.php?busca=ETNIA+¶m1=homebusca&check=musica

terça-feira, setembro 26, 2006

essa foi mais uma invenção incomodêichon!!!




***ontem vi meu benzim
me deu um abraço bem apertado
e um beijinho bem mansinho!
meu benzim adorou minha saia!!!




quando tava andando na rua ontem
as pessoas diziam

_oóooooooolha ki bonitinho.
_olha só a saia dela!!!!!!!!!!!!!!!
_ei essa branquinha é uma noivinha? não. pois combina com a dona.
_amiga me dá uma bonequinha dessa pra mim?!
_tu devia me dá uma bonequinha dessa.
_que putaria é essa minha irmã?! deve tê dado mó trabalho, mas ficou massa!
_háháhá diabo é isso!!!
_ei vem cá tu tá vendendo é? não! pensei que fosse.
_ki é isso vudu? é! essa aki roxinha é você.
_(um cara dentro da topic que ia passando fez um sinal de positivo)
_ ei vocês querem carona? não a gente tá indo pro shoping mas qualquer coisa viu?!
_ essa bonequinhas parecem com a bonecona!!!
_ tia me dá uma?!!!
_me dá uma boneca baitola!!!
_olha só estilo geladeira!!!
_porque tu é assim hein?!
_ num tá pesando não?!
_ olha só como ela tá xiquetérrima!!!
_olha a roupa nova dela(quiz dizer velha, porque só uso mais é roupa velha)

segunda-feira, setembro 25, 2006

mas um dia sem te ver

mas um dia sem você meu benzim
achei que ia enlouquecer
decidir ir aonde voce tava
só pra te ver
mesmo que voce não quisesse vir comigo,
minha paixão foi me empulsionando até lá
chego lá você foi pra outro canto
mas fiquei sabendo que você tá se divertindo muito
fiquei feliz por você
mas espero ansiosa pra te ver.

domingo, setembro 24, 2006

um dia sem eva...( eu adoro chamá - la de coite, aquele cabelos que estão sempre soltos me lembram o coiote)


hoje foi um dia sem evinha
fiquei com saudade dela
mas não posso prende- la
sempre leio coisas que fale sobre relações libertárias
espero que eu tenha sempre uma relação libertária com ela.
é dificil!!!!!!
mas tô me esforçando ao máximo.


hoje um dia sem eva
eu comecei a ler educação anarquista
aí me veio um pensamento:
" Eu entendo que a educação é um dos grandes potenciais do ser humano,
mas não aceito a idéia de educação como adestramento,
também não compreendo como a solução da educação pode estar na Escola sendo a tal a representante máxima da educação através do Estado, como a escola poderia ser libertária com um Estado capitalista?! ou até mesmo socialistas facistas ?!
educação sem Escola e conseqüentemente sem Estado.
educação com politica do cotidiano.
educação em comunidades.
educação sem famílias facistas.
eu entendo que a educação deve ser discutida e não imposta.
uma idéia não deve ser uma obrigação mas sim uma possibilidade.
O que é educação ?
ainda não sei responder."

hoje um dia sem eva aprendi
mi menor, dó, ré e sol.

hoje um dia sem eva
não aprendi a não ter saudade
(e quero aquele abraçim pequenino.)


sábado, setembro 23, 2006

hoje bem que poderia ser outro dia...


_ amiga vamus beber pra afogar minhas mágoas?
_ que mágoas?
_ não sei!
_ então?!
_ deixa pra lá, vamos beber e pronto!
_ escutar uma música legal ou ler um bom livro.
_ é vamus sim!
_ e a bebida?
_vamus beber e também fazer essas coisas né não?!
_ é pode ser!!!
_ cara lembrei de uma música muito boa agora mesmo!!!!!!!
_qual?


Pato Fu - Eu
Eu...queria tanto encontrar
Uma pessoa como eu
A quem eu possa confessar
alguma coisa sobre mim
Quando acontece um grande amor
assim como você e eu
o tempo passa por nós dois
não lembro o que aconteceu
Eu...queria tanto encontrar
Uma pessoa como eu
A quem eu possa confessar
alguma coisa sobre mim
Mas nem por isso vou ficar
a questionar os erros meus
Você precisa procurar
Achar o que você perdeu
Eu...queria tanto encontrar
Uma pessoa como eu
A quem eu possa confessar
alguma coisa sobre mim

_porque essa música é tao legal?
_ora porque eu tô aprendendo a tocar ela!!!

sexta-feira, setembro 22, 2006

nunca mais tinha provadu vinho barato

Manguetown
Chico Science e Nação Zumbi


Estou enfiado na lama
É um bairro sujo
Onde os urubus têm casas
E eu não tenho asas
Mas estou aqui em minha casa
Onde os urubus têm asas
Vou pintando segurando as paredes do mangue do meu quintal
Manguetown
Andando por entre os becos
Andando em coletivos
Ninguém foge ao cheiro sujo
Da lama da Manguetown
Andando por entre os becos
Andando em coletivos
Ninguém foge à vida suja dos dias da
Manguetown
Esta noite eu sairei (sai)
Vou beber (bebi) com meus amigos
E com as asas que os urubus me deram ao dia
Eu voarei por toda a periferia Vou sonhando com a mulher
Que talvez eu possa encontrar
Ela também vai andar
Na lama do meu quintal
Manguetown
Fui no mague catar lixo
Pegar caranguejo, conversar com urubu

** eu adoro essa música, ela lembra uma coisa de ontem na praçinha da gentilândia, lá não tava lá essas coisas, mas as pessoas da rodinha que estavam lá eu adoro muitooooooooo!!! eu tava escutando quase até agora, só uma coisa que diabo de vinho vencido era aquele

quinta-feira, setembro 21, 2006

revolucionário ou roqueiro ???


ontem tava na parada do ônibus um cara olhou pra mim (eu tava com uma camisa do che guevara ) aí ele pergunta você é roqueira? gosta de rock? eu curto tudo!!! pois eu sou é regueiro. dô mó valor os racionais mcs;( peraí racionais não é hip hop?! ) e aí começou a cantar um monte de trechos das músicas dos racionais toda errada. cara doido!!! (mas dô mó valor conhecer figuras assim) .

depois disso fiquei pensando por que será que as revoluções não são tão divulgadas como a música se fosse seria muito bom!!! (eu acho que as pessoas teriam mais acesso)

ah lembrei de uma coisa!!! quando as revoluçãoes são divulgadas elas ficam conhecidas como badernas, pensando bem não o sei o que é pior não serem divulgadas ou serem mal divulgadas.

outra coisa não é a primeira vez que algém me pergunta se eu sou roqueira quando tô usando a dita camisa.

pois eu respondo pra quem quiser saber que eu não sou regueira, nem roqueira , nem regional, nem música cabaçal, nem pop, sou todas e muitas mais... nem crente e nem católica sou muito mais... nem hetero nem homo sou isso e muito mais... se eu fosse só uma coisa eu deixaria de ser a micinete? ou se eu não fosse nenhuma coisa é que eu deixaria de ser a micinete? penso que todas as coisas que eu sou e as que eu não sou é que me fazem ser micinete. as várias possibilidades de ser micinete e de me relacionar com as pessoas diferentemente.

quarta-feira, setembro 20, 2006

depois de num sei quanto tempo...


depois de não sei quanto tempo o pessoal do C.A. fez o trote nos bichim da pedagogia... aquele perfume de kenga... e o pessoal gritando vivas as kengas... e a gente da turma frescando com a cara deles...kkkk...kkk

e depois lá fora tinha uma doida endoidando... muié tô precisando... eu tb amiga tô precisando... kkkkkkkkkkkkkkkkk!!!

e o nosso culto à baco finalmente vai ser inagurado aguardem!!!

** foto na calourada geral 2006.1 as mininas da pedagogia!!!

terça-feira, setembro 19, 2006

mudança

eu adoro minha faculdade naum é demagogia não vou mudar meu curso por que também eu gosto muito dele e tenho vontade de uma teoria sobre educação na escola diferente ou seja sem... um dia eu digo quando realmente souber o que eu tô dizendo. só uma dica tem a vê com poesia e educação anarquista, hoje mudei de disciplina e vou ficar mais tempo na facul hé!!!

domingo, setembro 17, 2006

uma leitura

eu quiria poder passar pra cá o que eu sentir ontem quando tava lendo mas eu não sei,
me lembrei de um disturbio mental que tive quando acabei de ler utopia & paixão acabei realmente tendo um disturbio porque queria dizer uma coisa e acabei dizendo outra, depois de um tempo achei que era muita cara de pau achar que eu podia me achar daquele jeito,mas já era. tudo que já foi caba sendo o ki é em mim agora mesmo que não seja a mesma coisa.hoje eu tô que tô hein?!

sexta-feira, setembro 15, 2006

teen




Às vezes as coisas me parecem
Como realmente são.
É tão estranho, dá um aperto
Bem forte no meu coração.
Não quero mais saber do que não pode ser,
Não quero nem mesmo tentar esclarecer.
Às vezes as coisas me parecem
Claras como são.
É tão estranho, dá um aperto
Bem forte no meu coração.
Não quero mais saber do que não pode ser,
Não quero nem mesmo tentar esclarecer.
Quem é você?
Pra me dizer, Pra onde vou.
Quem é você?
Pra me dizer, De que cor eu sou?
Às vezes eu pareço
Frágil como estou.
É tão estranho, fecho os olhos
E nem sei quem sou.
Não quero mais saber do que não pode ser,
Não quero nem mesmo tentar esclarecer.
Quem é você?
Pra me dizer, Pra onde vou.
Quem é você?Pra me dizer,

** eu gosto dessa banda ki tem uma mininha cantando pq parece com outra banda ki também tem uma mininnha cantando que se parece com outra uma banda das antigas que tinha uma mininnha doida cantando e escolhi essa música tb porque eu não ligo mais e ela diz uma coisa de ontem a noite!

quinta-feira, setembro 14, 2006

espiritual/idade


agora eu acredito...
e essa frase tem tudo a ler...

"Para nós, o homem é o animal mais forte, porque é mais hábil; toda a sua espiritualidade é disso conseqüência." nietzsche!

achei essa frase lindamente com um sentido pra mim.

segunda-feira, setembro 11, 2006

angústia

tudo aquilo que chamamos de sentimento vem de uma mesma nascente
vai crescendo num camizim de dúvidas
chega num braço de coisas "boas" ou "ruins"
parte para um rio de realização
e finaliza num mar de recomeço.

sábado, setembro 09, 2006

fico leve


eu me impressiono com o pouco
então não adianta fazer tanta coisa.
eu me embriago facilmente nesse mundão meu
então não preciasa encher o meu copo.
eu gosto de coisas bem naturais
não é necesserario o forjardo.
mas se quiser exagerar bem muito
pode dá certo porque se o simples me impressiona o complicado me pega de vez.
mas se quiser me deixar muito muito doida
eu fico pra valer sem nem ligar o resto óh.
e se quiser me entorpecer de sua química
eu experimento dependendo ...

quinta-feira, setembro 07, 2006

dia de bode!

ficar de molho nem sempre é bom.
a gente pensa muita coisa sem ter nada pra fazer.
pensa coisas que já estavam mansinhas.
cara eu até arrumei minhas coisas hoje.
acabei descobrindo que perdi um monte de coisas. (porra!!!)
(eu sempre perdo um monte de coisas.)
e depois quando não tem mais nada vê acabo encontrando.
tava meia coisada.
mas tomei um remédio feito cevada e bem gelado.
minino pois num fiquei boazinha!!!

quarta-feira, setembro 06, 2006

Cruzes hein?! Tudo por causa do fixo.

Antes, no bem antes de agora gostava de filme de terror.Tinha medo. mas fingia não ter por que tinha que frescar com quem tinha. E depois bem depois do antes manguei do que antes tinha.

Me interessavam as estórias de assombração contadas pelo meu avô. dessas que os avôs(ós) contam com gestos das palavras e olho bem arregalado que á pra dá um medão na gente pequena. nessas eu não fingia sentia pra valer. Ah! já ia me esquecendo de lembrar que nessa mesma época eu engolia tudo de uma vez.

Mas hoje dizem que não existe mais estórias. só histórias.( mas, por que mesmo não há estórias?!) já que sabemos que estórias parecem ser histórias e quem pode(r) dizer que as histórias não são estórias.

mas ainda na chamada geração zero zero ainda se contam estórias:
era uma vez uma boneca de xuxa que virava bruxa.
era uma outra vez um menina rebelde que arrancava a própria cabeça.
uma perna cabeluda pulava nos matos atrás de quem aparecer lá de noite.
se você apagar a luz, ligar o chuveiro, bater na pia, na privada e bater os pés a loura do banheiro aparece.(é sério)
a bonequinha da hello kitty é uma promessa pro cão.

agora as recentes:
alguns artistas fazem macumba pra criancinhas.
uma mulher que usa colar vira alma.
a noite num tal espaço aparece um espirito de um cara que morreu enforcado.
e o babau agora toca pandeiro.

terça-feira, setembro 05, 2006

efeitos de uma virose.


hoje quando acordei vi tudo torto
eu pessimista?
não gosto de admitir.
mas se eu fô
sou uma péssima pessimista.
não gosto do positivismo.
não exite nada mais chato do o lema "ordem e progresso."
não há nada mais cansativo do que a cidade de utopia.
não tô com vontade de falar com ninguém.
não tô com vontade de fazer nada hoje.
não tô com vontade nem de sair de casa.
hoje eu tô muito cansada pra rir das mesmas piadas.
dá vontade de mandar se fuder as velhas piadas.
mas tenho ki ir em frente por que atrás não vem nemhuma gente.
hoje é um dia que levantei demasiadamente virótica.
cuidado com o vírus!
não cheguem perto de mim hoje.
é contagioso literalmente.
minhas coisas nunca são arrumadas.
tenho a maior preguiça de botar ordem nas coisas.
nem consigo perceber a falta da ordem.
melhor ir embora hoje eu não sou uma bem companhia.

domingo, setembro 03, 2006


Deus
me
livre?
só se fô Dele mesmo óh!
Deus
me
livro.


micinete mulheeeeeeeeeeeeeer!!!